Image Map


16/10/2018

Olá Criativos, tudo bom? Hoje eu venho contar a vocês como iniciei no mundo da costura, vamos lá?

Como muitos já devem saber, comecei a fazer artesanato com 12 anos e de lá pra cá aprendi várias técnicas, mas a costura só entrou na minha vida a poucos anos atrás.

Apesar da minha bisavó ter sido costureira e minha avó costurar suas próprias roupas quando nova, a costura não foi uma coisa passada de mãe para filha como acontece em muitas histórias.

Na época que comecei a fazer artesanato com a minha avó, ela já não costurava a muitos anos e, eu mesma, nunca tinha demonstrado interesse que gostaria de aprender a técnica.

Então, o tempo foi passando e fui aprendendo e estudando outras técnicas. Mas apesar de nunca ter demonstrado interesse, eu tinha uma certa paixão por máquinas de costura, tanto que as vezes tinha vontade de comprar uma sem mesmo aprender a costurar.

Muitos anos depois minha mãe comprou uma máquina para minha avó, confesso que até tentei usar uma vez a máquina, mas como não consegui, deixei para lá.

Anos depois a máquina que era da minha avó acabou se tornando minha e como tinha um certa dificuldade de aprender a costurar naquela máquina, acabei comprando outra máquina para me facilitar, mas não adiantou muita coisa. Não entendia direito como as coisas funcionavam e também não fiz muito esforço para entender.

Tempos depois levei as duas máquinas para dar uma geral (pois acabaram ficando paradas por um tempo), vi uma relíquia da costura. Uma máquina de costura da Singer antiga, aquela pretinha, estava a venda e funcionando. Não resisti e comprei rs.

E aí me vi com três máquinas de costura funcionando e eu sem saber costurar. Depois dessa não tinha mais como fugir, tinha que aprender a costurar. Comprei vários materiais e surgiu a oportunidade de fazer um workshop de Utilitários Térmicos com a Renata Vial e foi quando eu me apaixonei de vez.

Fiquei tão empolgada que acabei fazendo também um workshop de sapatinhos de bebês com a Nanda Selan e depois disso passei a exercitar em casa. O que me ajudou mais tarde com o curso de produção de moda e com um curso de bolsas também.

Hoje, eu vejo que aprender a costurar não é difícil e exige muita paciência, mas nada que alguns treinos não ajudem. Ah e lembre-se que antes de querer começar a costurar você tem que conhecer bastante a sua máquina.

Espero que vocês tenham gostado da minha história e me contem também um pouquinho da sua, que tal?

Beijos e até a próxima!

 

 

Compartilhe com os amigos
comentários0

  • 12ª RIO ARTES MANUAIS 2018
  • 10 dicas para aproveitar a Mega Artesanal
  • Brazil Patchwork Show e Brazil Scrapbooking Show
  • 02/09/2018

    Olá Criativos, tudo bom? Quer saber como iniciei no artesanato?

    Muitas pessoas me perguntam como comecei a fazer artesanato. Então decidi fazer um vídeo contando um pouquinho de como comecei a fazer e algumas técnicas que aprendi até hoje.

    Desde que comecei no artesanato aos 12 anos, minha pretensão nunca foi trabalhar com o mesmo, mas fazer apenas por hobby, mas uma coisa vai levando a outra e sabe como é né. Uma pessoa pede daqui, outra encomenda dali e quando você vê, já está vendendo.

    Mas isso fica para um próximo bate papo de artesã. Vou deixar o vídeo aqui embaixo para vocês assistirem.

    Espero que gostem! Ah e não deixe de compartilhar a história de vocês também.

    Beijos e até a próxima!

    Compartilhe com os amigos
    comentários0

  • Cursos Gratuitos na Mega Artesanal
  • Estou de Volta! + Sorteio
  • Brazil Patchwork Show e Brazil Scrapbooking Show
  • 29/08/2018

    Olá Criativos, tudo bom? Quem é louco por papel aqui levanta a mão! \o/\o/\o/

    Hoje venho dar uma super dica de evento para quem é louco por papel.

    Isso mesmo! Se você faz artesanato com papel ou tem vontade de aprender, seja por hobby ou trabalho, esse evento é para você. O Ateliê do artesão Luiz Masse está organizando o evento Loucos Por Papel, que acontecerá em Campos do Jordão de 4 a 9 de novembro de 2018.

    O evento é pensado para os apaixonados por papel, cartonagem, e tudo o mais que é feito com as próprias mãos, trazendo aquele saboroso gostinho de “eu que fiz”.
    Serão 5 dias de diversão e aprendizado com grandes nomes da cartonagem, encadernação, bordado, quiling, escultura e origami. São eles:

    Cartonagem – Luiz Masse

    Quilling – Fabiola Silva

    Encadernação – Claudia Olivetti e Flavia Diz

    Paper Sculpture – Rose Caldeira e Cyntia Castro

    Scrapbook – Carol Sonetti

    Bordado em Papel – Sissi Antunes

    Low Poly Paper – Gislaine Umezu e Silvia Lacerda

    O evento irá promover um grande encontro entre pessoas dispostas a ensinar, aprender, e se divertirem, pois além de todas essas oficinas, também terão algumas atrações, tais como: Noite do Cinema, Bingo, Caça ao Tesouro e muito mais!
    Para quem não conhece o Luiz Masse, se liga que ele é o fera da cartonagem e trabalha com papel há 25 anos. Ele já participou de várias exposições em diversas unidades do SESC em todo o estado de São Paulo, com diferentes temas, todos desenvolvidos utilizando o papel como matéria-prima principal. Gravou DVDs, esteve em vários programas de TV e, em 2015, lançou o seu primeiro livro sobre cartonagem. Hoje, com seu próprio ateliê, ministra aulas e desenvolve diversos projetos.
    Então, se você é louco por papel não poderá perder esta oportunidade e para maiores informações e inscrições: (12) 99745-2511
    Espero que tenham gostado desta super dica.
    Um beijo e até a próxima.
    Compartilhe com os amigos
    comentários0

  • Mega Artesanal 2017
  • Reduzir, Reutilizar e Reciclar
  • VIII Limeira Patchwork
  • 1 2 3 38