Image Map
07/07/2016
    Recentemente passei um enorme susto aqui em casa. Para quem não sabe tenho 3 cachorros: o Thor, a Linda e o Loki (um dos filhotes do Thor e da Linda) e no domingo (26/06) a Linda adoeceu.

Na verdade, ela não adoeceu no domingo, ela já estava doente, mas só percebemos no domingo quando uma secreção de pus amarronzada e fedida saiu da sua vagina.

    Corremos na hora para a Cliníca Veterinária Granvet e ao ser consultada pela veterinária, veio o diagnóstico: Piometra. Na mesma hora, a veterinária já nos explicou que a Linda teria que ser internada imediatamente e começou a explicar sobre a doença.
 
    No meio das perguntas que eu fiz, veio a resposta que me fez chorar até o dia que ela voltou para casa, ela corria risco de vida. Neste momento, vocês devem estar fazendo a mesma pergunta que fiz a veterinária: O que é Piometra?
 
    Então, pausa na história para eu explicar mais ou menos o que é.
 
    A Piometra é uma infecção bacteriana que ocorre no útero e geralmente ocorre após o cio da cadela. Além da infecção, ainda há o risco da bactéria entrar na corrente sanguínea, levando a bactéria até os rins causando a sua falência e levando a cadela à óbito.
 
    Há dois tipos de piometras:
  • Piometra fechada: é extremamente perigosa, pois como não há o corrimento, faz com que a doença demore a ser percebida pelo dono e quando é descoberta, já está num estágio muito avançado da doença.
  • Piometra aberta: é quando ocorre o corrimento purulento. Não deixa de ser perigosa, mas faz com que o dono perceba mais depressa a doença na cadela.
    Independentemente dos dois casos, ela continua sendo perigosa, e o diagnóstico é confirmado através do exame de sangue e da ultrassonografia.
 
    Os Sintomas são:
  • Pus, podendo escorrer ou não da vagina;
  • Aumento da sede e da urina;
  • Aumento ou dilatação do abdomên;
  • Letargia;
  • Falta de apetite;
  • Perda de peso;
  • Febre;
  • Desidratação.
    Lembrando que, os sintomas são variáveis de cadela para cadela, ou seja, nem sempre a cadela terá todos os sintomas citados.
 
Tratamento
 
    O tratamento mais eficaz é a castração da cadela, tanto para curá-la, quanto para prevenir contra a piometra.
 
    Voltando a história, a Linda foi internada no domingo e segunda feira de manhã foi operada. Graças á Deus correus tudo bem, mas ela ainda ficou internada mais um dia para ter certeza que estava fora de perigo.
 
    Finalmente, na terça feira a noite ela voltou para casa. Está tomando os remédios e esperando completar 10 dias para poder fazer a retirada dos pontos.

    Fica aqui meu alerta e meu agradecimento ao veterinários que atenderam super bem a minha filhinha.

Beijos e até a próxima!!!
Compartilhe com os amigos
comentários0

  • Quem quer amostra grátis?
  • Porque o Blog agora se chama “A Menina do Blog”
  • Vazio
  • Comente pelo facebook:
    Comente pelo Blog: